Licenciatura em Ciências Biológicas

O Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual de Feira de Santana pretende garantir o desenvolvimento de competências e habilidades para a formação de profissionais que irão atuar como professores no ensino fundamental, médio ou superior, e outras atividades nas áreas de Meio Ambiente, Saúde e Biotecnologia.

 

A estrutura geral do curso além de contemplar os conteúdos próprios das Ciências Biológicas, deverá ofertar também os conteúdos nas áreas de Química, Física e da Saúde, para atender ao ensino fundamental, médio e superior. Os componentes curriculares obrigatórios, serão ofertados semestralmente, em atendimento à matriz curricular, com os conhecimentos biológicos definidos para a formação básica e específica distribuídos ao longo de todo o curso, devidamente interligados e estudados numa abordagem unificadora cujo escopo é EVOLUÇÃO.

 

A formação pedagógica, além de suas especificidades, deverá contemplar uma visão geral da educação e dos processos formativos dos educandos além de dar subsídio para a instrumentação do ensino de Ciências no nível fundamental e para o ensino da Biologia, no nível médio, bem como para o ensino superior.

 

O Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas terá oferta semestral de 25 (vinte e cinco) vagas no período diurno, preferencialmente com a oferta dos componentes curriculares obrigatórios no turno vespertino, e deverá ser integralizado no prazo mínimo de 09 (nove) semestres e máximo de 14 (quatorze) semestres letivos.

 

O currículo do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas tem uma carga horária total de 3.645 horas, com a seguinte distribuição:

 

Componentes Curriculares

Carga horária

Núcleo de Formação Básica (NFB)

2.115

Núcleo de Formação Específica (NFE)

1.150

Componentes Optativos (OP)

180

Atividades Complementares (AC)

200

Carga horária total

3.645

 

Entende-se por Núcleo de Formação Básica (NFB) os conhecimentos básicos e complementares fundamentais à formação do profissional licenciado, e que contemplam as dimensões científico/cultural e da articulação entre disciplinaridade e interdisciplinaridade;

 

Entende-se por Núcleo de Formação Específica (NFE) os componentes curriculares que fundamentarão a formação do professor de Ciências e Biologia para a Escola Básica e Ensino Superior, compreendendo os componentes cuja função é associar as dimensões científico/cultural à de formação do professor em sua prática pedagógica, além dos componentes da Prática Educativa que darão subsídios para a realização do Trabalho Monográfico de Conclusão do Curso (TMCC) e o Estágio Supervisionado, numa dimensão da autonomia intelectual do discente;

 

Entende-se por Componentes Optativos (OP) os estudos de livre escolha do aluno dentre os recomendados pelo Colegiado do Curso que venham a complementar e diversificar a formação profissional ou outras formas de apreensão do conhecimento, de habilidades e atitudes;

 

Entende-se por Atividades Complementares (AC) os estudos e atividades diversas que não fazem parte da oferta acadêmica do curso e que são computadas para fins de integralização curricular, regulamentadas pelo Colegiado de Curso.